Elimário Farias assina convênio com MPPE para implantação do projeto Cidade Pacífica
 
Elimário Farias assina convênio com MPPE para implantação do projeto Cidade Pacífica

O prefeito de Barreiros, Elimário Farias, assinou na na tarde desta segunda-feira (9/03) convênio de cooperação técnica e compromisso com o Ministério Público de Pernambuco para adoção do projeto Cidade Pacífica. O evento ocorreu no Cabo de Santo Agostinho.

A proposta que o prefeito Elimário aderiu é de iniciativa do MPPE. A ação visa fomentar ações dos gestores municipais no planejamento e prevenção de ocorrências da criminalidade.

“O município de Barreiros tem priorizado ações que visam garantir à população uma política de segurança e paz. Foi assim no início da nossa gestão quando garantimos a sede do GATI para o município e tem sido na atualidade com atividades voltadas à prevenção da violência com ações voltadas à melhoria da iluminação Pública, reforço na guarda municipal e valorização de políticas públicas voltadas para o fortalecimento e valorização da juventude”, declarou o prefeito Elimário Farias.

No total, além o prefeito de Barreiros, Elimário, outros oito representantes de municípios participaram da Audiência Pública. Foram eles: Cabo de Santo Agostinho, Tamandaré, Sirinhaém, Ribeirão, Rio Formoso, São José da Coroa Grande, Gameleira e Ipojuca, todos que fazem parte da 8ª circunscrição do MPPE.

Ao todo, o projeto propõe 23 metas em 14 eixos de atuação. Os municípios precisarão atuar ao menos em oito eixos, dos quais os cinco primeiros são obrigatórios. As avaliações são feitas por sistemas de pontuação, baseada nos resultados satisfatórios obtidos por cada município.

Aqueles que atingirem a pontuação mínima exigida serão certificados com pelo ministério público como “município compromissado com a segurança” ao final do projeto, cuja validade é de um ano. O município também poderá utilizar do convênio para pleitear recursos governamentais destinados à área de segurança.

O projeto Cidade Pacífica terá duração de oito meses. Vinte e um municípios de Pernambuco já aderiram. A meta do MPPE é alcançar 41 municípios até junho deste ano.

Fonte: Blog Ponto de Vista

 

 
Rodapé Topo